"Morte de Jô Soares deixa um vazio irreparável na nossa cultura", afirma Mercadante

Jô "teve a coragem de estar do lado certo da história", destaca o ex-ministro sobre as posições políticas do apresentador e humorista

www.brasil247.com - Aloizio Mercadante e Jô Soares
Aloizio Mercadante e Jô Soares (Foto: Ricardo Stuckert | Divulgação/TV Globo)


247 - O ex-ministro e presidente da Fundação Perseu Abramo, Aloizio Mercadante, emitiu nota de pesar nesta sexta-feira (5) pela morte de Jô Soares, um dos mais completos artistas e entrevistadores da história do país.

"O Brasil perdeu um enorme talento. A morte de Jô Soares deixa um vazio irreparável na nossa cultura, não só pelo talento único, mas também pelo humor inteligente, versátil e criativo dele", afirma Mercadante.

>>> No dia da morte de Jô Soares, internautas resgatam entrevista constrangedora de Dallagnol (vídeo)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O ex-ministro lembra de sua amizade com Jô e das corretas posições políticas do apresentador. "Estive inúmeras vezes no programa do Jô, desde o SBT e depois na Globo. Ao longo da minha vida pública, desenvolvi uma relação de respeito e de amizade com ele. Em 2002, o Jô apoiou publicamente minha candidatura ao Senado. Mais recentemente, teve a coragem de estar do lado certo da história e denunciou o golpe contra a presidenta Dilma e publicou cartas abertas à Bolsonaro, nas quais, com a inteligência habitual, expôs toda a precariedade do atual mandatário do país".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

"Neste momento de dor, deixo minha solidariedade e abraço fraterno a todos os familiares, amigos e fãs do Jô", finaliza.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email