Wagner Moura: nunca votei em Dilma, mas 54 milhões de brasileiros votaram

No evento em defesa da democracia nesta noite no Rio de Janeiro, o ator Wagner Moura fez uma enfática manifestação contra o golpe; "Nunca votei em Dilma. Mas 54 milhões de outros brasileiros votaram", disse ele, numa fala transmitida por webcam; entre os presentes, além do ex-presidente Lula e do compositor Chico Buarque, estão nomes como Leonardo Boff, Eric Nepomuceno, Beth Carvalho, Gregório Duvivier e outros nomes da cultura brasileira; "Sem ódio, com inteligência, vamos mostrar que os artistas brasileiros defendem a democracia", disse ainda Wagner Moura

No evento em defesa da democracia nesta noite no Rio de Janeiro, o ator Wagner Moura fez uma enfática manifestação contra o golpe; "Nunca votei em Dilma. Mas 54 milhões de outros brasileiros votaram", disse ele, numa fala transmitida por webcam; entre os presentes, além do ex-presidente Lula e do compositor Chico Buarque, estão nomes como Leonardo Boff, Eric Nepomuceno, Beth Carvalho, Gregório Duvivier e outros nomes da cultura brasileira; "Sem ódio, com inteligência, vamos mostrar que os artistas brasileiros defendem a democracia", disse ainda Wagner Moura
No evento em defesa da democracia nesta noite no Rio de Janeiro, o ator Wagner Moura fez uma enfática manifestação contra o golpe; "Nunca votei em Dilma. Mas 54 milhões de outros brasileiros votaram", disse ele, numa fala transmitida por webcam; entre os presentes, além do ex-presidente Lula e do compositor Chico Buarque, estão nomes como Leonardo Boff, Eric Nepomuceno, Beth Carvalho, Gregório Duvivier e outros nomes da cultura brasileira; "Sem ódio, com inteligência, vamos mostrar que os artistas brasileiros defendem a democracia", disse ainda Wagner Moura (Foto: Leonardo Attuch)

247 – No evento em defesa da democracia nesta noite no Rio de Janeiro, o ator Wagner Moura fez uma enfática manifestação contra o golpe.

"Nunca votei em Dilma. Mas 54 milhões de outros brasileiros votaram", disse ele, numa fala transmitida por webcam.

Entre os presentes, além do ex-presidente Lula e do compositor Chico Buarque, estão nomes como Leonardo Boff, Eric Nepomuceno, Beth Carvalho, Gregório Duvivier e outros nomes da cultura brasileira.

Confira, abaixo, algumas falas de Wagner Moura:

"Nunca votei em Dilma. Mas 54 milhões de outros brasileiros votaram".

"A democracia brasileira é jovem. Frágil. Não é plena. Mas avançou muito nesses anos, com Lula e Dilma".

"Em 2012, houve um golpe de Estado no Paraguai. Isso não é imaginação da esquerda".

"Sem ódio, com inteligência, vamos mostrar que os artistas brasileiros defendem a democracia".

"Tenho feito críticas ao governo. Mas precisamos avançar mais, não retroceder".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247