Ações da Gol, Azul e Petrobras chegam a saltar mais de 10% com notícia de eficácia da vacina Pfizer

As companhias aéreas são as que mais sofrem com a pandemia do coronavírus, em meio às restrições de mobilidade, que voltaram ao radar com o aumento dos casos na Europa e nos EUA

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Infomoney - A sessão é de disparada generalizada para as ações do Ibovespa com a confirmação da eleição de Joe Biden nos EUA e após a farmacêutica americana Pfizer e a empresa de biotecnologia alemã BioNTech afirmaram que sua vacina contra o coronavírus teve uma eficácia de 90% na prevenção de covid-19 entre aqueles sem evidência de infecção anterior, de acordo com dados publicados nesta segunda-feira (9) baseados em seu teste de fase três.

As maiores altas ficam justamente para os papéis de aéreas como Azul (AZUL4) e Gol (GOLL4), com altas respectivas de 13,81% (R$ 29,51) e 13,11% (R$ 19,85) às 10h20 (horário de Brasília), além de CVC (CVCB3). As companhias são as que mais sofrem com a pandemia do coronavírus, em meio às restrições de mobilidade, que voltaram ao radar com o aumento dos casos na Europa e nos EUA; assim, o avanço da vacina da alívio para os investidores sobre a volta à normalidade das operações das empresas.

Também em alta de mais de 10%, para depois amenizarem os ganhos para variação de cerca de 9%, estão os papéis de Petrobras (PETR3;PETR4) com a notícia da eficácia da vacina, levando à disparada do petróleo. O WTI salta 10,15%, a US$ 40,91, enquanto o brent dispara 9,13%, a US$ 43,05.

Empresas do setor de shopping, varejistas de vestuário e bancos, com queda expressiva no acumulado do ano na B3, também disparam, caso de Multiplan (MULT3), brMalls (BRML3) e Iguatemi (IGTA3), com ganhos de entre 7% e 9%, enquanto Lojas Renner (LREN3) e Cia. Hering (HGTX3) registrando ganhos entre 7% e 8%. Bancos saltam entre 6% e 7%, caso de Banco do Brasil (BBAS3), Itaú Unibanco (ITUB4), Bradesco (BBDC3;BBDC4) e Banco do Brasil (BBAS3).

Já entre as maiores quedas, em meio à forte baixa do dólar de cerca de 3%, estão justamente os papéis de empresas exportadoras, como Suzano (SUZB3) e Klabin (KLBN11), enquanto varejistas de e-commerce registram estabilidade, caso de Magazine Luiza (MGLU3) – que divulgará resultado hoje após o fechamento – e B2W (BTOW3).

A Amazon anunciou nesta segunda-feira o lançamento de três novos Centros de Distribuição (CDs), localizados na cidade de Betim (MG), Santa Maria (DF) e Nova Santa Rita (RS). De 2019 para cá, a companhia passou de um para oito centros logísticos no País (veja mais clicando aqui).

Os papéis da Via Varejo (VVAR3), por sua vez, operavam em leve alta de cerca de 1%. A companhia informou ter firmado os documentos definitivos para aquisição de 16,67% da Growth Partners, controladora da startup Distrito, sem detalhar os valores envolvidos na operação.

A Distrito foi fundada em 2014 e conecta grandes empresas, startups, investidores e acadêmicos, afirmou a Via Varejo em comunicado ao mercado, acrescentando que o negócio representa “um salto na estratégia de transformação digital” da empresa. A aquisição “permitirá à companhia estar conectada a um dos principais hubs digitais do país, possibilitando acessar o universo de startups e viabilizando projetos de transformação e aceleração digital”, afirmou a Via Varejo.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247