Advogada prevê aumento no valor dos planos de saúde em 2021: ‘pode gerar um descompasso muito grande’

Roberta Densa falou à TV 247 sobre os direitos do consumidor durante a crise do coronavírus e os problemas nos hospitais privados e públicos. Assista

(Foto: Divulgação | Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A advogada e professora Roberta Densa falou em entrevista à TV 247 sobre os direitos do consumidor durante a crise do coronavírus e abordou a situação dos planos de saúde e dos hospitais privados. Ela afirmou que, em muitos casos, diante da ocupação dos leitos por conta do agravamento da pandemia, muitas pessoas estão deixando de ser atendidas na rede privada.

Segundo a advogada, os hospitais têm obrigação de atender os clientes. Em caso de agravamento da doença de um indivíduo que deixou de ser atendido, que pode levar inclusive ao óbito, o hospital pode responder criminalmente, pagando indenizações. Porém, isso continua sendo algo ruim, ressalta, pois as pessoas querem ser atendidas e não ressarcidas pelo não atendimento.

Neste sentido, Roberta Densa vê a falta de leitos como “um problema grave”, já que isso ocorre tanto no âmbito privado, quanto no âmbito público, no qual a pessoa pode recorrer caso não seja atendida pelo plano de saúde.

A professora também alertou para um aumento no valor do plano de saúde em 2021, que segundo ela, “pode gerar um descompasso muito grande”. “Uma surpresa bem ruim”, reforçou. Um dos motivos para este aumento, explica, é o alto custo da realização de testes para diagnosticar o coronavírus e do aumento das internações devido à doença.

Inscreva-se na TV 247 e assista à entrevista na íntegra:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email