Alemanha vê riscos da crise do euro para sua economia

Governo da chanceler Angela Merkel informa que a perspectiva para a economia alemã é "cautelosa e carrega riscos significativos" diante do ambiente internacional

Alemanha vê riscos da crise do euro para sua economia
Alemanha vê riscos da crise do euro para sua economia (Foto: TOBIAS SCHWARZ/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

BERLIM, 10 Ago (Reuters) - A economia alemã deve ter crescido moderadamente no segundo trimestre, mas enfrenta "riscos significativos" ligados à crise da zona do euro, afirmou o Ministério da Economia do país nesta sexta-feira.

"Depois do forte crescimento do primeiro trimestre, o momento enfraqueceu notavelmente por conta da desaceleração do ambiente internacional", afirmou o Ministério em comunicado, antes da publicação dos dados do Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre na próxima terça-feira.

"Acima de tudo, a crise da dívida em certos países da zona do euro está pesando sobre a economia, semeando incerteza e cautela entre as empresas", disse o ministério.

"A perspectiva para a economia alemã é, portanto, cautelosa e carrega riscos significativos."

(Reportagem de Noah Barkin)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email