Alvo da Pouso Forçado, Esteves terá jato de US$ 55 milhões

Dono do BTG Pactual será o primeiro dono no Brasil do jato Global 6000, da Bombardier; ele e um sócio tiveram aviões retidos por suposta sonegação fiscal

Alvo da Pouso Forçado, Esteves terá jato de US$ 55 milhões
Alvo da Pouso Forçado, Esteves terá jato de US$ 55 milhões (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Com dois jatos apreendidos na Operação Pouso Forçado, um do controlador André Esteves e outro do sócio Marcelo Kalim, o BTG Pactual prepara a compra de mais uma aeronave: um Global 6000, da Bombardier.

A informação foi dada na coluna da jornalista Sonia Racy, do Estado de S. Paulo. Ao custo de US$ 55 milhões, o Global 6000 tem autonomia para voar diretamente do Brasil a qualquer cidade dos Estados Unidos e às principais capitais europeias. A primeira dessas aeronaves a desembarcar no Brasil será do BTG.

Na Operação Pouso Forçado, Esteves e Kalim foram acusados pela Polícia Federal de não recolher os impostos devidos, mantendo as aeronaves registradas fora do País. Os aviões ainda estão apreendidos.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email