Balança comercial tem o pior resultado para o primeiro semestre em 3 anos

A balança comercial brasileira encerrou o primeiro semestre da gestão do presidente Jair Bolsonaro (PSL) com o pior resultado para o período desde 2016: um saldo de US$ 27,1 bilhões, 8,9% abaixo do registrado no primeiro semestre do ano passado; a média diária das exportações brasileiras caiu 1,8% no semestre e a das importações teve alta de 0,8%

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A balança comercial brasileira encerrou o primeiro semestre da gestão do presidente Jair Bolsonaro (PSL) com o pior resultado para o período desde 2016: um saldo de US$ 27,1 bilhões, 8,9% abaixo do registrado no primeiro semestre do ano passado. A média diária das exportações brasileiras caiu 1,8% no semestre e a das importações teve alta de 0,8%.

No período, a quantidade exportada pelo Brasil aumentou 1,6% e o preço dos produtos vendidos ao exterior caiu em média 3,3%. Ou seja, embora tenha vendido mais, o País faturou menos com as exportações.

No caso das importações, a quantidade importada pelo Brasil subiu 7,1% e o preço médio dos produtos caiu 5,9%.


A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247