Bernardo sobe o tom contra a TIM

Ministro diz que derrubada intencional de chamadas é “caso de polícia”

Bernardo sobe o tom contra a TIM
Bernardo sobe o tom contra a TIM (Foto: Folhapress_Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, subiu o tom contra a operadora TIM, que pode voltar a ser proibida de vender novos planos no Brasil. “Uma coisa é a qualidade dos serviços ser ruim, outra é a operadora derrubar as chamadas. Neste caso, deixa de ser um problema da Anatel, é caso de polícia”, disse ele.

Na berlinda, a TIM acusa o relatório da Anatel de ter falhas grosseiras, mas pode ser multada em até R$ 6 milhões. Além disso, a empresa pode vir a ser a protagonista de uma CPI no Congresso Nacional, caso seja instalada a comissão para investigar por que a telefonia no Brasil é tão cara e tão ruim. 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email