BNDES aprova financiamento de R$ 370 mi para Comgás

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou nesta quarta-feira, 12, que aprovou um financiamento de até R$ 370,6 milhões para a Comgás; trata-se da primeira transação dentro do modelo anunciado em junho, que condiciona a concessão de recursos mais baratos do banco de fomento ao compromisso do tomador de captar recursos no mercado por meio de instrumentos como debêntures; "Nos próximos dois anos, o BNDES espera aprovar entre 10 e 15 projetos no mesmo modelo, o que pode agregar entre 3 bilhões e 4 bilhões de reais em novos títulos de renda fixa no mercado", afirmou o BNDES, em nota  

Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou nesta quarta-feira, 12, que aprovou um financiamento de até R$ 370,6 milhões para a Comgás; trata-se da primeira transação dentro do modelo anunciado em junho, que condiciona a concessão de recursos mais baratos do banco de fomento ao compromisso do tomador de captar recursos no mercado por meio de instrumentos como debêntures; "Nos próximos dois anos, o BNDES espera aprovar entre 10 e 15 projetos no mesmo modelo, o que pode agregar entre 3 bilhões e 4 bilhões de reais em novos títulos de renda fixa no mercado", afirmou o BNDES, em nota
 
Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou nesta quarta-feira, 12, que aprovou um financiamento de até R$ 370,6 milhões para a Comgás; trata-se da primeira transação dentro do modelo anunciado em junho, que condiciona a concessão de recursos mais baratos do banco de fomento ao compromisso do tomador de captar recursos no mercado por meio de instrumentos como debêntures; "Nos próximos dois anos, o BNDES espera aprovar entre 10 e 15 projetos no mesmo modelo, o que pode agregar entre 3 bilhões e 4 bilhões de reais em novos títulos de renda fixa no mercado", afirmou o BNDES, em nota   (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou nesta quarta-feira, 12, que aprovou um financiamento de até 370,6 milhões de reais para a Comgás.

Trata-se da primeira transação dentro do modelo anunciado em junho, que condiciona a concessão de recursos mais baratos do banco de fomento ao compromisso do tomador de captar recursos no mercado por meio de instrumentos como debêntures.

Segundo comunicado do BNDES, os recursos vão para o plano de investimento trienal da Comgás (2015-17). Para ter acesso à Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), linha mais barata do banco, hoje em 6,5 por cento ao ano, a empresa terá que emitir títulos de renda fixa no mercado até 12 meses após assinar o contrato de empréstimo, que está em fase final de negociação.

"Nos próximos dois anos, o BNDES espera aprovar entre 10 e 15 projetos no mesmo modelo, o que pode agregar entre 3 bilhões e 4 bilhões de reais em novos títulos de renda fixa no mercado", afirmou o BNDES, em nota.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email