Bolsonaro prorroga por 2 meses programa de redução de jornada e salários

Em vídeo ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do secretário de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, Bolsonaro disse que a medida preserva cerca de 10 milhões de empregos

Jair Bolsonaro e Paulo Guedes
Jair Bolsonaro e Paulo Guedes (Foto: Isac Nóbrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro anunciou nesta segunda-feira, 24, a prorrogação por mais dois meses do Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda. 

Em vídeo ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do secretário de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco, Bolsonaro disse que a medida preserva cerca de 10 milhões de empregos. 

A medida provisória inicial, que foi sancionada no início de julho e transformada em lei, previa a suspensão dos contratos de trabalho por até dois meses e a redução da jornada e de salários em até 70% por até três meses.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247