Brasil e México selam acordo de livre comércio de veículos leves

O governo do México afirmou nesta terça-feira (19) que concordou em isentar o comércio de veículos leves com o Brasil mediante 40 por cento de exigência de conteúdo nacional, abrindo caminho para um comércio mais liberal entre as duas maiores economias da América Latina

Brasil e México selam acordo de livre comércio de veículos leves
Brasil e México selam acordo de livre comércio de veículos leves (Foto: REUTERS/Alexandre Meneghini)

Dave Graham (Reuters) - O governo do México afirmou nesta terça-feira que concordou em isentar o comércio de veículos leves com o Brasil mediante 40 por cento de exigência de conteúdo nacional, abrindo caminho para um comércio mais liberal entre as duas maiores economias da América Latina.

O acordo entra em vigor a partir desta terça-feira, e a exigência de conteúdo estaria sujeita às atuais fórmulas de cálculo, disse o Ministério da Economia mexicano em comunicado. O documento não forneceu detalhes sobre a fórmula.

O México tem buscado diversificar os parceiros comerciais desde que o presidente dos EUA, Donald Trump, alertou para uma possível morte do acordo do Nafta, que sustentou a economia mexicana por um quarto de século.

Além do acordo com o Brasil, o México renovou as cotas de comércio de automóveis com a Argentina para os próximos três anos, após os quais haveria livre comércio, disse o ministério.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247