Com pré-sal, Petrobrás registra aumento de 9,3% na produção e bate recorde

A Petrobrás registrou recorde diário e mensal de produção durante o terceiro trimestre de 2019, com produção de 2,878 milhões de barris de petróleo e gás no trimestre, representando um aumento de 9,3% em relação ao trimestre anterior e de 14,6% na comparação com o mesmo período de 2018

247 - A Petrobrás registrou recordes diário e mensal de produção durante o terceiro trimestre de 2019. Segundo dados divulgados pela estatal, na média trimestral, foram produzidos 2,878 milhões de barris de petróleo e gás, alta de 9,3% em relação ao trimestre anterior e de 14,6% na comparação com o mesmo período de 2018.

De acordo com o Relatório de Produção e Vendas da empresa, que passou a divulgar esses dados antes da publicação do balanço, o crescimento da produção é resultado da instalação de sete plataformas de produção entre 2018 e 2019, seis delas no pré-sal da Bacia de Santos. Juntas, elas elevaram a produção em 555 mil barris por dia para a média trimestral. 

Reportagem da Folha de S. Paulo destaca que em agosto, a empresa bateu seu recorde mensal de produção, chegando a três milhões de barris por dia. No mesmo mês, bateu seu recorde diário, com 3,1 milhões de barris por dia.

A direção da Petrobras afirma no relatório que o resultado mostra "sólido desempenho operacional" no período e com uma nova plataforma do pré-sal da Bacia de Santos, que entrará em operação, as perspectivas do quarto semestre só aumentam a sanha do capital. 

Os campos do pré-sal já representam 60% da produção da estatal no Brasil. Já as operações fora do pré-sal mostraram estabilidade, fechando o trimestre na média de 706 mil barris por dia –0,8% a mais do que no trimestre anterior e 4,9% a menos do que no mesmo período de 2018.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247