Copom deve fazer nesta semana primeiro corte de juros em 4 anos

Comitê Política Monetária (Copom) do Banco Central se reúne nesta semana e a expectativa do mercado é que haja, pela primeira vez em quatro anos, uma redução na taxa básica de juros da economia, que hoje está 14,25% ao ano, a maior do mundo; maioria dos economistas dos bancos aposta em um corte da taxa Selic; parte prevê queda de 0,25 ponto percentual e outra parcela apostando que o BC poderá ser mais agressivo e baixar os juros para 13,75% ao ano, redução de 0,5 ponto percentual; anúncio deve ser feito na quarta-feira, 19

Comitê Política Monetária (Copom) do Banco Central se reúne nesta semana e a expectativa do mercado é que haja, pela primeira vez em quatro anos, uma redução na taxa básica de juros da economia, que hoje está 14,25% ao ano, a maior do mundo; maioria dos economistas dos bancos aposta em um corte da taxa Selic; parte prevê queda de 0,25 ponto percentual e outra parcela apostando que o BC poderá ser mais agressivo e baixar os juros para 13,75% ao ano, redução de 0,5 ponto percentual; anúncio deve ser feito na quarta-feira, 19
Comitê Política Monetária (Copom) do Banco Central se reúne nesta semana e a expectativa do mercado é que haja, pela primeira vez em quatro anos, uma redução na taxa básica de juros da economia, que hoje está 14,25% ao ano, a maior do mundo; maioria dos economistas dos bancos aposta em um corte da taxa Selic; parte prevê queda de 0,25 ponto percentual e outra parcela apostando que o BC poderá ser mais agressivo e baixar os juros para 13,75% ao ano, redução de 0,5 ponto percentual; anúncio deve ser feito na quarta-feira, 19 (Foto: Aquiles Lins)

247 - O Comitê Política Monetária (Copom) do Banco Central se reúne nesta semana e a expectativa do mercado é que haja, pela primeira vez em quatro anos, uma redução na taxa básica de juros da economia, que hoje está 14,25% ao ano, a maior do mundo.

Maioria dos economistas dos bancos aposta em um corte da taxa Selic. Parte dos economistas estimando uma queda de 0,25 ponto percentual (para 14% ao ano) e outra parcela apostando que o BC poderá ser mais agressivo e baixar os juros para 13,75% ao ano (redução de 0,5 ponto percentual).

Pesquisa realizada pelo BC com instituições financeiras na semana passada mostra que esse deve ser apenas o início de um ciclo de corte nos juros. O mercado aposta em reduções contínuas nos próximos meses, com cortes em dezembro, janeiro, fevereiro, abril, maio, julho e setembro de 2017 – quando os juros deverão ter atingido, segundo as projeções dos bancos, o patamar de 11% ao ano, o menor desde fevereiro de 2014.

O anúncio sobre o novo patamar da Selic será na próxima quarta-feira (19), por volta das 18h.

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247