Corte de supersalários daria apenas R$ 1 bilhão para o Renda Cidadã

O corte de salário acima do teto do funcionalismo (R$ 39,3 mil) daria apenas R$ 1 bilhão para o Renda Cidadã, programa de transferência de renda que o governo estuda implementar. São necessários R$ 20 bilhões para financiar a proposta

Jair Bolsonaro e Paulo Guedes
Jair Bolsonaro e Paulo Guedes (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O corte de salário acima do teto do funcionalismo (R$ 39,3 mil) não é suficiente para financiar o Renda Cidadã. A proposta, defendida pelo ministro Paulo Guedes (Economia) e por parlamentares, daria apenas R$ 1 bilhão para o programa. O governo Jair Bolsonaro precisa de R$ 20 bilhões. 

De acordo com o relator da proposta na Câmara, deputado federal Rubens Bueno (Cidadania-PR), a versão atual do texto tem o potencial de reduzir as despesas da União em cerca de R$ 1,2 bilhão por ano. Os dados foram publicados pelo jornal Folha de S.Paulo

O corte de férias do Judiciário também economizaria mais R$ 1,2 bilhão. É o que está previsto em uma proposta de emenda à Constituição (PEC) que ainda não foi analisada pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

O governo também estudo a extinção do desconto de 20% concedido automaticamente a contribuintes que optam pela declaração simplificada do Imposto de Renda da Pessoa Física. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247