Família bilionária repatria fortuna e não quer pagar imposto

Uma família de ricaços brasileiros repatria quase R$ 50 bilhões e vai à Justiça para não pagar imposto. O governo de São Paulo tenta cobrar R$ 2 bi em tributos sobre transferência de recursos feita no exterior

Ricos sonegam impostos
Ricos sonegam impostos (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A Procuradoria-Geral do Estado de São Paulo (PGE) está tentando fazer com que uma família que fez transferência de recursos no exterior da ordem de R$ 48 bilhões pague os impostos correspondentes.

O processo está em segredo de Justiça e pode render ao governo de São Paulo cerca de R$ 2 bilhões em tributos, o equivalente a um ano de arrecadação de ITCMD (Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos).

Reportagem dos jornalistas Eduardo Cucolo e Bruna Narcizo na Folha de S.Paulo informa que não foi feito o recolhimento do imposto e que a PGE atua no caso.

A Procuradoria confirmou que houve a repatriação, que não foi feito recolhimento do tributo porque a família possui uma decisão judicial favorável nesse sentido e que está atuando no caso. Não informou, no entanto, quando teria ocorrido a entrada do dinheiro no país.

Segundo a Procuradoria, há outros contribuintes com decisões judiciais no mesmo sentido, em operações que somam outros R$ 2 bilhões repatriados após transferência de patrimônio no exterior. Assim, a operação dessa única família representa 98% do dinheiro envolvido nas discussões.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247