Golpe contra Dilma entrega pibinho de 1,1%

O último dado econômico do governo que golpeou a ex-presidente Dilma Rousseff mostra a mediocridade de sua gestão, capitaneada por Michel Temer e Henrique Meirelles; a economia brasileira cresceu 1,1% em 2018 em relação ao ano anterior, de acordo com o IBGE; a taxa é a mesma da registrada em 2017

Golpe contra Dilma entrega pibinho de 1,1%
Golpe contra Dilma entrega pibinho de 1,1% (Foto: Beto Barata - PR)

247 - A economia brasileira cresceu 1,1% em 2018 em relação ao ano anterior, informou nesta quinta-feira (28) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa é a mesma da registrada em 2017. Em valores correntes, o PIB alcançou no período R$ 6,8 trilhões.

No quarto trimestre de 2018, o PIB aumentou 0,1% em relação ao terceiro trimestre. Sobre o quarto trimestre de 2017, a alta foi de 1,1%.

As previsões para 2019 apontam crescimento de 2,4%.

Vale ressaltar que em crise a geração de empregos demora a reagir. Primeiro o governo arrecada, investe e depois gera empregos.

Mas, além de os investimentos públicos estarem congelados por causa da PEC do Teto dos Gastos, mais de 30 milhões de brasileiros estão na informalidade e vários trabalhadores têm contrato temporário de trabalho, previsto pela Reforma Trabalhista. Como consequência, ainda está difícil para a população alavancar o consumo e ajuda na retomada do cresciemento.

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247