Governo Bolsonaro entrega aeroportos para estrangeiros

O consórcio espanhol Aena venceu o leilão pelo principal bloco de aeroportos realizado pelo governo Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (15), na B3, em São Paulo. Com oferta de outorga de R$ 1,9 bilhão, a companhia vai gerir os aeroportos do bloco Nordeste, o mais cobiçado das concessões, que compreende os terminais de Recife (PE), Maceió (AL), João Pessoa e Campina Grande, na Paraíba, Aracaju (SE) e Juazeiro do Norte (CE). A proposta da Aena representa um ágio de 1.010%, pois a outorga mínima estabelecida pelo governo para o bloco era de R$ 171 milhões, pagos à vista; o bloco mais disputados foi o Nordeste, que teve 6 concorrentes

Governo Bolsonaro entrega aeroportos para estrangeiros
Governo Bolsonaro entrega aeroportos para estrangeiros

247- O consórcio espanhol Aena venceu o leilão pelo principal bloco de aeroportos realizado pelo governo Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (15), na B3, em São Paulo. Com oferta de outorga de R$ 1,9 bilhão, a companhia vai gerir os aeroportos do bloco Nordeste, o mais cobiçado das concessões desta sexta, que compreende os terminais de Recife (PE), Maceió (AL), João Pessoa e Campina Grande, na Paraíba, Aracaju (SE) e Juazeiro do Norte (CE). A proposta da Aena representa um ágio de 1.010%, pois a outorga mínima estabelecida pelo governo para o bloco era de R$ 171 milhões, pagos à vista. Pelos 30 anos do contrato de concessão, o valor total da outorga estimada pelo governo para o bloco Nordeste de aeroportos é de R$ 1,7 bilhão. Segundo previsões oficiais, a empresa vencedora deverá aplicar um montante de R$ 2,153 bilhões nos seis terminais, sendo R$ 788 milhões nos cinco primeiros anos do contrato.

Ao todo, 9 grupos de investidores apresentaram propostas no leilão. O bloco mais disputados foi o Nordeste, que teve 6 concorrentes. Em seguida veio o Sudeste, com 4 propostas e, o Centro-Oeste, com duas.

As operadoras estrangeiras Zurich (Suíça) e Fraport (Alemanha) e o CPC (Companhia de Participações em Concessões) foram as únicas a participar da disputa tanto pelo bloco Nordeste como pelo Sudeste.

A Aena administra 46 aeroportos na Espanha, incluindo os terminais de Madri–Barajas e Barcelona. Na América Latina, a empresa administra 12 aeroportos no México, 2 na Colômbia e 2 na Jamaica. O aeroporto de Luton, em Londres, também está sob gestão da companhia.

 

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247