Governo descarta no momento elevar Cide para gasolina

O governo brasileiro não avalia no momento elevar a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) para gasolina, disse o diretor do Departamento de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, Ricardo Dornelles; segundo ele, recentemente a indústria de cana-de-açúcar apresentou demanda de elevar para R$ 0,60 centavos por litro o valor da Cide, ante os atuais R$ 0,10

O governo brasileiro não avalia no momento elevar a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) para gasolina, disse o diretor do Departamento de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, Ricardo Dornelles; segundo ele, recentemente a indústria de cana-de-açúcar apresentou demanda de elevar para R$ 0,60 centavos por litro o valor da Cide, ante os atuais R$ 0,10
O governo brasileiro não avalia no momento elevar a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) para gasolina, disse o diretor do Departamento de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, Ricardo Dornelles; segundo ele, recentemente a indústria de cana-de-açúcar apresentou demanda de elevar para R$ 0,60 centavos por litro o valor da Cide, ante os atuais R$ 0,10 (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - O governo brasileiro não avalia no momento elevar a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) para gasolina, uma reivindicação do setor sucroalcooleiro para dar mais competitividade ao etanol, afirmou nesta segunda-feira o diretor do Departamento de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, Ricardo Dornelles.

Em entrevista a jornalistas durante evento em São Paulo, ele afirmou que recentemente a indústria de cana-de-açúcar apresentou demanda de elevar para 60 centavos de real por litro o valor da Cide, ante atuais 10 centavos.

(Por Marcelo Teixeira)

Conheça a TV 247

Mais de Economia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247