Governo libera redução de salário e jornada de trabalho

O governo federal vai permitir que empresas reduzam salários e jornadas de trabalho de seus funcionários por até dois anos, em troca da garantia da manutenção dos empregos desses trabalhadores; a previsão faz parte da medida provisória que estendeu por mais um ano do PPE (Programa de Proteção ao Emprego); quem é incluído no programa não pode ser demitido sem justa causa durante o período de vigência da redução de jornada e salário

O governo federal vai permitir que empresas reduzam salários e jornadas de trabalho de seus funcionários por até dois anos, em troca da garantia da manutenção dos empregos desses trabalhadores; a previsão faz parte da medida provisória que estendeu por mais um ano do PPE (Programa de Proteção ao Emprego); quem é incluído no programa não pode ser demitido sem justa causa durante o período de vigência da redução de jornada e salário
O governo federal vai permitir que empresas reduzam salários e jornadas de trabalho de seus funcionários por até dois anos, em troca da garantia da manutenção dos empregos desses trabalhadores; a previsão faz parte da medida provisória que estendeu por mais um ano do PPE (Programa de Proteção ao Emprego); quem é incluído no programa não pode ser demitido sem justa causa durante o período de vigência da redução de jornada e salário (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo federal vai permitir que empresas reduzam salários e jornadas de trabalho de seus funcionários por até dois anos, em troca da garantia da manutenção dos empregos desses trabalhadores.

A previsão faz parte da medida provisória que estendeu por mais um ano do PPE (Programa de Proteção ao Emprego), criado em julho de 2015 pelo governo Dilma Rousseff, e agora rebatizado por Temer como Programa Seguro-Emprego. O presidente assinou a MP na semana passada.

Até a renovação do programa, era possível a redução de salários e jornadas em até 30% por até um ano.

Quem é incluído no programa não pode ser demitido sem justa causa durante o período de vigência da redução de jornada e salário.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email