Grupo Caixa Seguros bate recorde com lucro de R$ 1 bilhão

Crescimento foi 12% superior ao do ano passado; sinistralidade atingiu 34%; "Nossa poltica de crescimento tem bases slidas", diz presidente Thierry Claudon

Grupo Caixa Seguros bate recorde com lucro de R$ 1 bilhão
Grupo Caixa Seguros bate recorde com lucro de R$ 1 bilhão (Foto: DIVULGAÇÃO)

O Grupo Caixa Seguros, que atua na área de seguros, previdência, consórcios e capitalização, encerrou 2011 com faturamento de R$ 7,4 bilhões e um resultado líquido de R$ 1 bilhão – o melhor desempenho da história do Grupo. Em 2010, o faturamento havia sido de R$ 6,6 bilhões, com um lucro de R$ 889 milhões, o que representa crescimento de mais de 12% nos dois quesitos.

A sinistralidadee ficou na faixa dos 34% – índice considerado baixo e resultado das análises de riscos em sua carteira. “Temos uma política de crescimento em bases sólidas, cuidando basicamente de três pilares: aumento nas vendas, controle de sinistralidade e redução de despesas administrativas”, avalia o presidente do Grupo, Thierry Claudon. Pelo terceiro ano consecutivo, a Companhia manteve suas despesas administrativas em 3,3%, número comemorado como exemplo de boa gestão.

“Outro fator determinante é a força do mercado segurador brasileiro, que vem em crescimento constante nos últimos anos, tanto por uma mudança de cultura de comprar seguros como pela entrada de milhões de pessoas em novos níveis de consumo”, analisa Claudon.

Prova disso é que o melhor desempenho do Grupo se deu nos produtos de Vida e nas categorias de riscos diversos, que incluem seguros automóvel, residencial e empresarial. O esforço foi premiado com a inclusão da CAIXA SEGUROS no seleto grupo de empresas com lucro superior a R$ 1 bilhão. A Companhia também foi reconhecida por ser a seguradora que mais respeita os consumidores dos segmentos de previdência e seguros de residência e automóvel, em uma avaliação realizada com clientes brasileiros de empresas de diferentes ramos*.

Seguros

Em 2011, a Caixa Seguradora se destacou nos ramos “Vida”, “Residencial” e “Habitacional”, onde mantém altos índices de crescimento há vários anos. Destaque para as vendas do Seguro Amparo, produto de assistência funeral que registrou aumento de mais de 300% em relação ao último ano. A empresa encerrou 2011 com prêmios diretos da ordem de R$ 1,79 bilhão. Alta de 20,4% quando comparado aos R$ 1,49 bilhão arrecadados no exercício anterior.

Vida e Previdência

Uma das mais sólidas empresas de previdência complementar do país, a Caixa Vida e Previdência encerrou o exercício de 2011 com lucro líquido de R$ 167,2 milhões. Alta de 19,9% se comparado aos R$ 139,5 milhões registrados no ano anterior. A receita com contribuições e prêmios subiu dos R$ 3,3 bilhões acumulados ao longo de 2010, para os R$ 3,7 bilhões no ano de 2011. Uma evolução de 12,1%. É importante destacar que, neste exercício, a empresa ultrapassou o importante patamar dos R$ 16,2 bilhões em reservas técnicas. Crescimento de 22,7% em relação aos R$ 13,2 bilhões registrados em 2010.

Capitalização

O lucro líquido da Caixa Capitalização em 2011 atingiu os R$ 125,7 milhões. No quesito patrimônio líquido, a empresa registrou R$ 344,2 milhões. Alta de 4,1%. No último ano, o resultado financeiro foi de R$ 160,1 milhões – valor 9,2% superior aos R$ 146,6 milhões alcançados em 2010.

 

Consórcios

Administradora que mais entrega imóveis no país – uma média de 43 por dia –, a Caixa Consórcios encerrou o exercício de 2011 com lucro líquido de R$ 124,4 milhões. Ao longo do ano, a empresa acumulou receita bruta de prestação de serviços na ordem de R$ 243 milhões. O patrimônio líquido da administradora em 2011 foi de R$ 168,1 milhões. Destaque para a taxa de rentabilidade sobre o patrimônio líquido: 55,7%

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247