Guedes começa a delirar e diz que salva o Brasil de "duas a três vezes por semana"

Na tentativa de conquistar a confiança de investidores, o ministro da Economia, Paulo Guedes, insistiu na ideia de que a sua agenda baseada no congelamento de investimentos, corte de direitos e entreguismo econômico está fazendo bem ao País. "Eu salvo a República de duas a três vezes por semana", disse

Paulo Guedes
Paulo Guedes (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Economia, Paulo Guedes, continuou na tentativa de adquirir a confiança da população e de investidores, mesmo sem retomada da geração de empregos e da expansão do Produto Interno Bruto (PIB).

"Eu salvo a República de duas a três vezes por semana", afirmou o titular da pasta a um interlocutor, de acordo com informações publicadas pela coluna de Lauro Jardim

Em conversas com empresários ou com jornalistas, Guedes afirmou que a recuperação da economia brasileira será em "V", ou seja, irá ao fundo do poço e depois vai se recuperar na mesma proporção. 

Segundo estimativas oficiais divulgadas pelo Banco Central, o PIB deve ter queda de 6% este ano. 

A economia brasileira já estava estagnada, com alta de apenas 1% do PIB em 2019. O corte de investimentos públicos e de direitos sociais, além do entreguismo econômico, são a marca de uma agenda que vê no setor privado a solução para a retomada do crescimento. Por enquanto ainda não se viu efeitos práticos. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email