Guedes enquadra Bolsonaro e diz que Petrobrás é independente para definir preços

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta terça-feira (16) que a Petrobras é independente para estabelecer preços, e que o presidente Jair Bolsonaro deixou claro entender que seria fora de propósito manipular preços da estatal; segundo informou o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, "Bolsonaro foi esclarecido quanto ao reajuste de combustíveis no Brasil e que entendeu"

Guedes enquadra Bolsonaro e diz que Petrobrás é independente para definir preços
Guedes enquadra Bolsonaro e diz que Petrobrás é independente para definir preços (Foto: ABr | Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta terça-feira (16) que a Petrobras é independente para estabelecer preços, e que o presidente Jair Bolsonaro deixou claro entender que seria fora de propósito manipular preços da estatal, informou a Reuters.

Ela informou ainda que o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, afirmou que o 'eventual reajuste' que Petrobras vai anunciar é 54% do preço do diesel, o restante diz respeito a tributos. E que "Bolsonaro foi esclarecido quanto ao reajuste de combustíveis no Brasil e que entendeu".

De acordo com o ministro da Economia Paulo Guedes, quando o governo federal segurou o aumento do preço do diesel na última sexta-feira (12), Jair Bolsonaro reclamou com o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco: "No dia que estou comemorando 100 dias de governo, você está jogando diesel no meu chopp?".

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247