HSBC alerta para colapso do mercado de ações

A equipe de analistas técnicos do banco HSBC emitiu um alerta vermelho para uma provável e iminente venda em massa de títulos no mercado de ações, informou a revista Business Insider

Bovespa bateu recorde de movimentação financeira em 2011
Bovespa bateu recorde de movimentação financeira em 2011 (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Da Agência Sputinik

A equipe de analistas técnicos do banco HSBC emitiu um alerta vermelho para uma provável e iminente venda em massa de títulos no mercado de ações, informou a revista Business Insider.

O alerta foi emitido para clientes do banco pelo chefe de análises técnicas do HSBC, Murray Gunn. Para chegar a tal conclusão, o especialista teria recorrido a um tipo de análise técnica chamada de “princípio da onda de Elliott”, que analisa mudanças de padrões no mercado de valores para determinar o comportamento de investidores e prever suas possíveis ações no futuro.

No final de setembro, Gunn informou que movimentos do mercado de valores apresentam padrões estranhamente similares aos observados logo antes da queda da bolsa em 1987. Tais semelhanças foram igualmente confirmadas pelo especialistas do banco Citi, Tom Fitzpatrick.

Agora, depois da queda de 200 pontos no índice Dow Jones, registrada nesta terça-feira (12), Gunn alerta que o colapso chegou. Destaca-se que se o índice Dow Jones Industrial Average cair abaixo de 17.992 pontos e o índice S&P 500 foi inferior a 2.116 pontos, a venda de títulos deverá se tornar uma tendência geral e implacável.

Na tarde de hoje, o Dow Jones Industrial Average registrava 18.144 pontos, enquanto o S&P 500 – 2.139 pontos.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email