Marcos Lisboa sugere nome de Vescovi para eventual governo Haddad

Cotado para ser ministro da fazenda em um eventual governo Haddad, o economista Marcos Lisboa, presidente do Insper, afirma que não há nenhuma conversa em andamento neste sentido e que sua amizade com Fernando Haddad não significa cargo em futuro governo; Lisboa vai além: defende uma mulher para a economia e cita o nome de Ana Paula Vescovi, ex-secretária do Tesouro Nacional e hoje, secretária executiva da Fazenda

Marcos Lisboa sugere nome de Vescovi para eventual governo Haddad
Marcos Lisboa sugere nome de Vescovi para eventual governo Haddad (Foto: Pedro França/Senado)

247 - Cotado para ser ministro da fazenda em um eventual governo Haddad, o economista Marcos Lisboa, presidente do Insper, afirma que não há nenhuma conversa em andamento neste sentido e que sua amizade com Fernando Haddad não significa cargo em futuro governo. Lisboa vai além: defende uma mulher para a economia e cita o nome de Ana Paula Vescovi, ex-secretária do Tesouro Nacional e hoje, secretária executiva da Fazenda. 

A reportagem do jornal Folha de S. Paulo destaca a frase lapidar de Lisboa, sobre sua virtual participação no governo Haddad: "não posso dizer se vou aceitar ou recusar um cargo para o qual nem fui convidado".

Lisboa diz: "Haddad é meu amigo, dá aula no Insper. Ele sabe que tenho divergências em relação ao programa do PT para a área econômica. Baixei na internet, li e muito do que está ali não funciona".

Entre 2003 e 2005, Lisboa foi secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, durante o primeiro governo Lula. Ele diz ter "adorado" exercer o cargo pela possibilidade de formular políticas públicas, assunto que estuda e acompanha diariamente nos últimos cinco anos.

Lisboa afirma: "ministro é uma função mais política, é como um CEO, um presidente de empresa".

E acrescenta, querendo dissipar rumores: "algum gênio —uma dessas pessoas que gosta de parecer que sabe tudo, que tem informação privilegiada— associa que eu fui do ministério, que o Haddad leciona no Insper, sendo assim, eu vou ser ministro se ele ganhar a eleição. Mas as coisas não funcionam assim".

 

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247