Na guerra do aço, Trump ameaça taxar automóveis da Europa

Presidente dos EUA, Donald Trump, manteve a pressão sobre os parceiros comerciais ao ameaçar as montadoras europeias com uma tarifa sobre importações se a União Europeia retaliar contra seu plano de adotar tarifas sobre alumínio e aço; "Se a UE quiser aumentar mais suas já fortes tarifas e barreiras às empresa dos EUA que fazem negócios lá, vamos simplesmente aplicar um Imposto sobre seus Carros que entram livremente nos EUA", escreveu Trump no Twitter

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fala com repórteres em Maryland 06/01/2018 REUTERS/Yuri Gripas
Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, fala com repórteres em Maryland 06/01/2018 REUTERS/Yuri Gripas (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, manteve neste sábado a pressão sobre os parceiros comerciais ao ameaçar as montadoras europeias com uma tarifa sobre importações se a União Europeia retaliar contra seu plano de adotar tarifas sobre alumínio e aço.

O tuíte de Trump mostrou que ele se recusa a ceder aos interesses de empresas dos EUA e de parceiros comerciais estrangeiros alarmados com a perspectiva de uma guerra comercial que afetou os mercados financeiro esta semana.

"Se a UE quiser aumentar mais suas já fortes tarifas e barreiras às empresa dos EUA que fazem negócios lá, vamos simplesmente aplicar um Imposto sobre seus Carros que entram livremente nos EUA", escreveu Trump no Twitter.

"Eles impossibilitam que nossos carros (e mais) sejam vendidos lá. Grande desequilíbrio comercial!"

Na quinta-feira, Trump disse que os EUA vão aplicar tarifas de 25 por cento sobre o aço importado e de 10 por cento sobre o alumínio para proteger os produtores domésticos.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247