Oi suspende por 180 dias pagamento de sua dívida

A problemática Oi, maior empresa de telecomunicações do País, suspendeu por 180 dias o pagamento de uma dívida de R$ 9,9 bilhões com o BNDES; a Oi também tenta renegociar seus débitos com outros bancos públicos e privados, como Banco do Brasil, Caixa e Itaú; há risco também de calote no exterior

A problemática Oi, maior empresa de telecomunicações do País, suspendeu por 180 dias o pagamento de uma dívida de R$ 9,9 bilhões com o BNDES; a Oi também tenta renegociar seus débitos com outros bancos públicos e privados, como Banco do Brasil, Caixa e Itaú; há risco também de calote no exterior
A problemática Oi, maior empresa de telecomunicações do País, suspendeu por 180 dias o pagamento de uma dívida de R$ 9,9 bilhões com o BNDES; a Oi também tenta renegociar seus débitos com outros bancos públicos e privados, como Banco do Brasil, Caixa e Itaú; há risco também de calote no exterior (Foto: Leonardo Attuch)

247 – A problemática operadora de telefonia Oi divulgou um acordo com o BNDES, suspendendo por 180 dias o pagamento de sua dívida.

De acordo com reportagem do Valor (leia aqui), a Oi tem cerca de R$ 50 bilhões em dívidas, das quais R$ 9,9 bilhões com bancos de desenvolvimento, como o BNDES. Os documentos mostram que o total de dívidas da Oi com bancos públicos e privados em negociação chega a R$ 16,8 bilhões.

"Com o Banco do Brasil, por exemplo, as conversas visam a postergar o pagamento de R$ 4 bilhões. Com a Caixa Econômica Federal, R$ 1,8 bilhão está em jogo. Já com o Itaú, R$ 1,3 bilhão", aponta a reportagem.

Há ainda o temor em relação a eventual calote externo, uma vez que em 26 de julho vencem 231 milhões de euros referentes a uma emissão de títulos no exterior.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247