Pacheco e Lira prometem avaliar novo auxílio emergencial

Os novos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), comprometeram-se nesta quarta-feira, 3, a avaliar uma forma de retomar o auxílio emergencial, no momento que o Brasil enfrenta um complexo quadro de novas infecções e mortes pela Covid-19

(Foto: ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Os novos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado, Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), comprometeram-se nesta quarta-feira, 3, a avaliar uma forma de retomar o auxílio emergencial, respeitando o teto de gastos, no momento que o Brasil enfrenta um complexo quadro de novas infecções e mortes pela Covid-19, afetando economicamente os profissionais liberais e mais vulneráveis.

Segundo o portal Terra, em declaração conjunta nesta manhã, os dois parlamentares colocaram a retomada de uma forma de auxílio, adotado como um alívio para os vulneráveis em meio à pandemia de covid-19, mas que terminou em dezembro, e a garantia de acesso às vacinas contra a doença entre as prioridades dos seus mandados frente às duas Casas.

Além disso, Pacheco e Lira colocaram as reformas tributária, administrativa, e as proposta de emenda à Constituição (PECs) do pacto federativo e a dos fundos públicos entre as prioridades do Congresso, para que a tramitação das propostas seja acelerada.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email