Petrobras abre em alta de mais de 2% em dia de 'alívio'

As ações da estatal registram um dia de alta seguindo os leves ganhos do brent, que registra alta de 0,27%, a US$ 48,30: no radar da companhia,  o Bank of America Merrill Lynch cortou sua projeção de crescimento da produção da Petrobras  em 12,5% do período entre 2015 e 2019, para US$ 126 bilhões; a estatal informou na quinta-feira ter rescindido contrato de afretamento da unidade de sondas ODN TAY IV com a Odebrecht Óleo e Gás

SÃO PAULO 27 11 2014 IBOVESPA FOTO HUGO ARCE/FP
SÃO PAULO 27 11 2014 IBOVESPA FOTO HUGO ARCE/FP (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Petrobras (PETR3, R$ 8,48, +2,17%)
As ações da Petrobras registram um dia de alta seguindo os leves ganhos do brent, que registra alta de 0,27%, a US$ 48,30.

No radar da companhia,  o Bank of America Merrill Lynch cortou sua projeção de crescimento da produção da Petrobras  em 12,5% do período entre 2015 e 2019, para US$ 126 bilhões. 

Além disso, segundo informações da Bloomberg, a Fundação de Bill Gates está processando a Petrobras e PWC por esquema de corrupção. 

Também no radar, a estatal informou na quinta-feira ter rescindido contrato de afretamento da unidade de sondas ODN TAY IV com a Odebrecht Óleo e Gás. Segundo informou a Petrobras por e-mail, a rescisão ocorreu "com base em fundamento contratual expresso". A vice-presidente financeira da Odebrecht S.A., Marcela Drehmer, disse à Reuters que o grupo está considerando alternativas, e ainda tem 90 dias para decidir. A Odebrecht disse ontem que está buscando alternativas para os bônus da Odebrecht Óleo e Gás, incluindo novo afretamento de sondas ou devolução de algumas delas, mas descartou que esteja buscando uma renegociação de dívidas de todo o conglomerado, que soma aproximadamente R$ 88 bilhões.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247