Petrobras faz acordo com Shell e começa a entregar tecnologia do pré-sal

O governo de Michel Temer (PMDB) começa a entregar mais um patrimônio nacional para o capital estrangeiro; está valendo um acordo de "colaboração mútua" entre a Petrobras e a Shell, gigante do petróleo; a iniciativa visa melhorar práticas administrativas, compartilhar técnicas e reduzir custos; na prática, a Petrobras acaba de dar acesso à Shell a tecnologia de exploração do petróleo no pré-sal; só a estatal brasileira detém essa tecnologia desenvolvida seu centro de pesquisa na ilha do Fundão, na cidade universitária da UFRJ

O governo de Michel Temer (PMDB) começa a entregar mais um patrimônio nacional para o capital estrangeiro; está valendo um acordo de "colaboração mútua" entre a Petrobras e a Shell, gigante do petróleo; a iniciativa visa melhorar práticas administrativas, compartilhar técnicas e reduzir custos; na prática, a Petrobras acaba de dar acesso à Shell a tecnologia de exploração do petróleo no pré-sal; só a estatal brasileira detém essa tecnologia desenvolvida seu centro de pesquisa na ilha do Fundão, na cidade universitária da UFRJ
O governo de Michel Temer (PMDB) começa a entregar mais um patrimônio nacional para o capital estrangeiro; está valendo um acordo de "colaboração mútua" entre a Petrobras e a Shell, gigante do petróleo; a iniciativa visa melhorar práticas administrativas, compartilhar técnicas e reduzir custos; na prática, a Petrobras acaba de dar acesso à Shell a tecnologia de exploração do petróleo no pré-sal; só a estatal brasileira detém essa tecnologia desenvolvida seu centro de pesquisa na ilha do Fundão, na cidade universitária da UFRJ (Foto: José Barbacena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O governo de Michel Temer (PMDB) começa a entregar mais um patrimônio nacional para o capital estrangeiro. Está tendo início um acordo de "colaboração mútua" entre a Petrobras e a Shell, gigante do petróleo. A informação é o site A Postagem. A parceria foi anunciado por um memorando interno.

Segundo o memorando, a iniciativa visa melhorar práticas administrativas, compartilhar técnicas e reduzir custos. Inclui-se aí, o compartilhamento de infraestrutura logística, segurança e aviação.

Na prática, diz o site, a Petrobras acaba de dar acesso à Shell a tecnologia de exploração do petróleo no pré-sal. É importante ressaltar, que só a estatal brasileira detém essa tecnologia desenvolvida seu centro de pesquisa na ilha do Fundão, na cidade universitária da UFRJ. O compartilhamento de infraestrutura e segurança, acaba por dar acesso a segredos industriais de logística e valores.

As duas petrolíferas já são parceiras em exploração de diversos poços no pós-sal e agora começam o processo de entrega tecnológica. Assim, ficam abertas as portas para novas licitações de concessão para o pré-sal sem a participação da Petrobras, antes necessária por questões de tecnologia e segredo industrial.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247