Petrobrás vai perder direito de preferência na exploração do pré-sal

Em mais um capítulo do entreguismo das riquezas nacionais, o governo de Jair Bolsonaro vai retirar da Petrobrás o direito de preferência nos leilões do pré-sal

(Foto: Sergio Moraes / Reuters)

247 – O governo vai reduzir o valor do bônus de assinatura ou diminuir o percentual de partilha do óleo com a União exigido nos campos de Sépia e Atapu, no pré-sal, informa o secretário-especial da Fazenda, Waldery Rodrigues. Os dois campos não receberam ofertas no leilão da cessão onerosa, no ano passado. O objetivo é torná-los mais atraentes para os investidores estrangeiros, segundo aponta reportagem de Ribamar Oliveira, no jornal Valor Econômico. 

"O governo também pretende acabar com o direito de preferência concedido à Petrobras na exploração do pré-sal. A avaliação técnica é de que esse direito distorce a concorrência e afasta competidores", diz ainda o jornalista. Definida a nova modelagem, a intenção é realizar os leilões de Sépia e Atapu em dezembro. 

Brasil 247 lança concurso de contos sobre a quarentena do coronavírus. Participe do concurso

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247