Petrobras vende ativos no Chile e na Argentina

Petrobras anunciou a venda de ativos de petróleo e distribuição de combustíveis na Argentina e no Chile pelo valor total de aproximadamente US$ 1,4 bilhão; negócio faz parte do programa de desinvestimentos da estatal e ainda depende da aprovação dos órgãos reguladores de mercado

Petrobras anunciou a venda de ativos de petróleo e distribuição de combustíveis na Argentina e no Chile pelo valor total de aproximadamente US$ 1,4 bilhão; negócio faz parte do programa de desinvestimentos da estatal e ainda depende da aprovação dos órgãos reguladores de mercado
Petrobras anunciou a venda de ativos de petróleo e distribuição de combustíveis na Argentina e no Chile pelo valor total de aproximadamente US$ 1,4 bilhão; negócio faz parte do programa de desinvestimentos da estatal e ainda depende da aprovação dos órgãos reguladores de mercado (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - A Petrobras anunciou nesta terça-feira a venda de ativos de petróleo e distribuição de combustíveis na Argentina e no Chile pelo valor total de aproximadamente 1,4 bilhão de dólares, dando prosseguimento ao seu programa de desinvestimentos.

A estatal brasileira concluiu a venda de sua participação total na Petrobras Argentina, de 67,2 por cento, para a Pampa Energía por 892 milhões de dólares. A negociação entre as duas companhias já havia sido anunciada anteriormente.

A Petrobras Argentina está entre os quatro maiores produtores de petróleo e gás do país vizinho e tem amplas operações de distribuição.

A Petrobras ressaltou que vai manter 33,6 por cento da concessão de Rio Neuquen, "com grande potencial de produção de gás natural", na Argentina, e de 100 por cento dos campos de gás natural de Colpa Caranda, na Bolívia.

A Petrobras disse também que acertou a venda de 100 por cento da distribuidora de combustíveis Petrobras Chile Distribución para a empresa de private equity Southern Cross Group, por cerca de 490 milhões de dólares. O valor final da operação vai depender de ajustes de preços entre as duas empresas.

A Chile Distribución possui 279 postos de serviço, além de oito terminais próprios de distribuição e operações em 11 aeroportos, entre outros ativos.

Os dois negócios dependem de aprovação de órgãos reguladores de mercado, destacou a Petrobras.

As vendas ajudam a Petrobras, que tem sofrido com os baixos preços do petróleo, baixas contábeis e investigações de corrupção, a cumprir sua meta de obter ao menos 14 bilhões de dólares com desinvestimentos neste ano para reduzir a dívida.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email