“Precisamos de mobilização nacional em defesa dos bancos públicos”, diz deputado federal Zé Carlos

Segundo o deputado, a privatização de bancos públicos não será facilmente aprovada no Congresso. “O povo está dizendo que não quer a privatização. Existem muitos parlamentares que não concordam com a ideia. Então a pauta da privatização não vai ser fácil de ser levada ao plenário, mas vai ser fácil se nós não estivermos mobilizados”

Zé Carlos
Zé Carlos (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Zé Carlos (PT-MA) afirmou à TV 247 que a privatização da Caixa Econômica Federal e a criação do banco digital que herdará dados da instituição para posteriormente ser privatizado não encontrará respaldo farto na Câmara dos Deputados.

Segundo o parlamentar, tanto no bloco de colegas que apoiam a eleição do deputado Baleia Rossi (MDB-SP) para a presidência da Casa quanto no bloco que apoia a eleição de Arthur Lira (PP-AL), há muitos que não aprovam a privatização dos bancos públicos. Ele também propôs a criação de um dia para a celebração e a defesa dos bancos públicos. “Quase a metade do povo brasileiro, em média, já se manifestou contra a privatização da Caixa. O povo está dizendo que não quer a privatização. Nessa disputa da Câmara Federal existem muitos parlamentares que não concordam com a ideia da privatização. Então a pauta da privatização não vai ser fácil de ser levada ao plenário, mas vai ser fácil se nós não estivermos mobilizados, se nós não sairmos nas ruas. Nós precisamos fazer um dia de mobilização nacional em defesa dos bancos públicos e até de outras insitituições”.

“Nós não queremos [a privatização] largar porque ele [banco público] é do povo, não é do governo. Tem que ser 100% público. Isso que nós temos que fazer, dar visibilidade das ruas, fazer com que o povo aumente sua participação do não à privatização”, completou.

Inscreva-se na TV 247, seja membro e compartilhe:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email