Sob pressão, Petrobras anuncia redução do preço dos combustíveis

A Petrobras reduzirá os preços de diesel e gasolina nas refinarias a partir de quarta-feira (23) em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros; anúncio ocorre após caminhoneiros realizarem na segunda-feira protestos em 19 Estados contra a alta dos combustíveis; nesta terça-feira, caminhoneiros voltar a bloquear rodovias e o porto de Santos em manifestação contra a política de aumentos quase diários no preço dos combustíveis

A Petrobras reduzirá os preços de diesel e gasolina nas refinarias a partir de quarta-feira (23) em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros; anúncio ocorre após caminhoneiros realizarem na segunda-feira protestos em 19 Estados contra a alta dos combustíveis; nesta terça-feira, caminhoneiros voltar a bloquear rodovias e o porto de Santos em manifestação contra a política de aumentos quase diários no preço dos combustíveis
A Petrobras reduzirá os preços de diesel e gasolina nas refinarias a partir de quarta-feira (23) em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros; anúncio ocorre após caminhoneiros realizarem na segunda-feira protestos em 19 Estados contra a alta dos combustíveis; nesta terça-feira, caminhoneiros voltar a bloquear rodovias e o porto de Santos em manifestação contra a política de aumentos quase diários no preço dos combustíveis (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Reuters - A Petrobras reduzirá os preços de diesel e gasolina nas refinarias a partir de quarta-feira, comunicou a estatal nesta terça-feira, em meio a discussões dentro do governo sobre a alta dos preços dos combustíveis e protestos de caminhoneiros.

Segundo a petroleira, o diesel será elevado em 1,54 por cento, para 2,3351 reais por litro, no primeiro corte desde 12 de maio. Já a gasolina diminuirá em 2,08 por cento, para 2,0433 reais por litro, a primeira redução desde 3 de maio.

O anúncio ocorre após caminhoneiros realizarem na segunda-feira protestos em 19 Estados contra a alta dos combustíveis. Nesta terça-feira, caminhoneiros voltar a bloquear rodovias e o porto de Santos.

Em julho do ano passado, a Petrobras adotou uma nova política de preços que prevê alterações quase que diárias nas cotações dos combustíveis, em linha com o mercado internacional.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email