Vale tem produção recorde de minério de ferro

Resultado foi o melhor da história da empresa brasileira no terceiro trimestre, apesar de a companhia paralisar a extração em minas menos eficientes, em meio aos baixos preços da commodity devido a uma sobreoferta global; produção entre julho e setembro deste ano foi de 88,225 milhões de toneladas, alta de 2,9% ante o mesmo período do ano anterior

Vale tem produção recorde de minério de ferro
Vale tem produção recorde de minério de ferro
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A produção de minério de ferro da brasileira Vale teve a melhor performance de sua história no terceiro trimestre, apesar de a companhia paralisar a extração em minas menos eficientes, em meio aos baixos preços da commodity devido a uma sobreoferta global.

A maior produtora global de minério de ferro produziu entre julho e setembro deste ano um recorde trimestral de 88,225 milhões de toneladas, alta de 2,9 por cento ante o mesmo período do ano anterior, informou a mineradora nesta segunda-feira em seu relatório de produção.

A companhia explicou que operações menos eficientes foram desligadas no terceiro trimestre, como parte de sua estratégia de redução de custos, totalizando o encerramento de uma capacidade total anualizada de 13 milhões de toneladas.

Dentre as plantas de beneficiamento que foram paralisadas estão Feijão, Jangada, Pico, Fábrica e Brucutu, informou.

"No entanto, os ganhos de produtividade em outras operações parcialmente compensaram a paralisação da produção nas plantas de beneficiamento. Também houve redução na compra de minério de terceiros no terceiro trimestre", afirmou a Vale no boletim.

A produção de minério --excluindo o minério adquirido de terceiros e a produção atribuível à Samarco-- atingiu o recorde de 248 milhões de toneladas no acumulado do ano até setembro, 11,8 milhões de toneladas maior do que no mesmo período de 2014.

A produção de Carajás atingiu 33,9 milhões de toneladas no terceiro trimestre, a maior para um terceiro trimestre.

A produção de níquel atingiu 71,6 mil toneladas, queda de 0,7 por cento na mesma comparação, segundo relatório de produção da companhia.

(Por Marta Nogueira)

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email