Weintraub foi demitido do Banco Votorantim por resultados insatisfatórios, dizem ex-colegas

Ex-colegas ainda apontam que Weintraub já tinha temperamento difícil e polêmico na época

Ministro Abraham Weintraub chega ao Palácio do Planalto 3/10/2019
Ministro Abraham Weintraub chega ao Palácio do Planalto 3/10/2019 (Foto: REUTERS/Adriano Machado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Demitido do Ministério da Educação, Abraham Weintraub deve ganhar uma indicação para um cargo no Banco Mundial. Weintraub já teve passagem pelo Banco Votorantim, mas foi demitido por resultados insatisfatórios, segundo ex-colegas ouvidos pela CNN.

Weintraub já tinha temperamento difícil e polêmico desde a época que entrou no banco, em 1994. Após crises enfrentadas pela instituição, o agora ex-ministro passou a ter repetidos embates com seus chefes devido discordâncias na condução do banco.

Em maio de 2012, Weintraub acabou sendo demitido. A demissão, porém, não aconteceu em decorrência da quase quebra do banco em 2009, como apontou o presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247