"Brasil pode ser o campeão do desenvolvimento verde", diz Cláudio Puty

Amazônia deve estar no centro do nosso projeto de desenvolvimento, afirma o economista

www.brasil247.com - Claudio Puty, Lula e Alckmin
Claudio Puty, Lula e Alckmin (Foto: Reprodução | Ricardo Stuckert)


247 – O economista Cláudio Puty, professor da Universidade Federal do Pará e representante do Psol na equipe que elabora o programa de governo da chapa Lula-Alckmin, afirmou, em entrevista ao jornalista Leonardo Attuch, editor da TV 247, que as diretrizes anunciadas nesta semana apontam para um programa moderno e sintonizado com o desenvolvimento sustentável. "O programa é muito bom e as colaborações mais importantes do Psol são a pegada verde, a questão social e dos direitos", disse ele, lembrando que Lula assumiu o compromisso de não construir mais hidrelétricas em terras indígenas.

Puty afirmou que o viés ambiental não significa abandono da questão do pré-sal. "O golpe de estado foi dado de olho em nosso pré-sal. Mas o Brasil pode ser o campeão do desenvolvimento verde e a Amazônia deve estar no centro do nosso projeto de desenvolvimento", disse ele.

O economista afirmou ainda que o gasto público é essencial para que o setor privado volte a investir. "O Brasil está na contramão do mundo e nosso programa é claramente antineoliberal. Hoje, nosso maior problema é a desindustrialização", disse ele. "O programa de Lula está afinado com a nova onda rosa na América Latina e o protagonismo negro e indígena será cada vez maior", acrescentou. Ao comentar a questão amazônica, ele disse que o Brasil precisa de uma força nacional de segurança ambiental para retomar a proteção das terras indígenas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email