CBF monta plano para desvincular camisa da Seleção de manifestações bolsonaristas

Confederação avalia negativamente uso da camisa da Seleção por apoiadores de Bolsonaro

Nova camisa seleção

247 - Com a proximidade da Copa, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) deu início a um plano para desvincular a camisa da Seleção Brasileira da política, sobretudo de manifestações bolsonaristas. As informações são da coluna do jornalista Guilherme Amado, do Metrópoles.

Para a confederação, que desde o início do ano trabalha no plano de resgate da Seleção Brasileira, o uso da camiseta por apoiadores de Bolsonaro é visto de forma negativa, por misturar excessivamente futebol e política. Devido à Copa, pôs em prática um plano com diferentes ações.

>>> Jogador Richarlison critica uso de camisa da seleção como símbolo político

CONTINUA DEPOIS DAS RECOMENDAÇÕES

O lançamento da camisa da Seleção foi outra estratégia. Propositalmente, a campanha contou com celebridades que se posicionam abertamente contra o governo Bolsonaro, como o jogador Richarlison e o rapper Djonga.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.