ACM: "Não vamos governar de cima para baixo"

Em 2015 a população de Salvador "contará com a presença cada vez maior da prefeitura" nos mais de 160 bairros existentes, por meio de serviços oferecidos pelos órgãos municipais e participação dos moradores na construção de uma cidade melhor; promessa foi feita pelo prefeito ACM Neto (DEM) na inauguração da sede da Prefeitura-Bairro Cabula; "Onde houver bairro haverá Prefeitura. Não queremos governar de cima para baixo, queremos dividir a responsabilidade de governar a cidade com o cidadão", disse o democrata

Em 2015 a população de Salvador "contará com a presença cada vez maior da prefeitura" nos mais de 160 bairros existentes, por meio de serviços oferecidos pelos órgãos municipais e participação dos moradores na construção de uma cidade melhor; promessa foi feita pelo prefeito ACM Neto (DEM) na inauguração da sede da Prefeitura-Bairro Cabula; "Onde houver bairro haverá Prefeitura. Não queremos governar de cima para baixo, queremos dividir a responsabilidade de governar a cidade com o cidadão", disse o democrata
Em 2015 a população de Salvador "contará com a presença cada vez maior da prefeitura" nos mais de 160 bairros existentes, por meio de serviços oferecidos pelos órgãos municipais e participação dos moradores na construção de uma cidade melhor; promessa foi feita pelo prefeito ACM Neto (DEM) na inauguração da sede da Prefeitura-Bairro Cabula; "Onde houver bairro haverá Prefeitura. Não queremos governar de cima para baixo, queremos dividir a responsabilidade de governar a cidade com o cidadão", disse o democrata (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - Em 2015 a população de Salvador "contará com a presença cada vez maior da prefeitura" nos mais de 160 bairros existentes, por meio de serviços oferecidos pelos órgãos municipais e participação dos moradores na construção de uma cidade melhor. Promessa foi feita pelo prefeito ACM Neto (DEM) na inauguração da sede da Prefeitura-Bairro Cabula, a sexta entregue pela atual gestão em cerimônia realizada na tarde de sexta-feira (19).

A partir de janeiro, a prefeitura vai desenvolver "um amplo programa de atendimento" nos bairros para solucionar as demandas dos cidadãos. Para isso, serão convocadas reuniões abertas a todos os moradores, para um melhor levantamento e diagnóstico das necessidades de cada localidade. A ação, em conjunto com a inauguração das outras quatro unidades de Prefeituras-Bairro – nos bairros de Pau da Lima, Valéria, Liberdade/São Caetano e Barra/Pituba – vai reforçar a descentralização da administração.

"Onde houver bairro haverá Prefeitura. Não queremos governar de cima para baixo, queremos dividir a responsabilidade de governar a cidade com o cidadão", disse ACM Neto. Também foi anunciada a reestruturação do 'Fala Salvador', da Ouvidoria Geral do Município (OGM), que é mais uma plataforma de aproximação da Prefeitura com a população.

Números e gestão

Ao lado do diretor-geral das Prefeituras-Bairro, Reinaldo Braga Filho, o prefeito comemorou a marca alcançada ontem (19) de 120 mil atendimentos, realizados pelas cinco unidades existentes: Subúrbio/Ilhas, Centro/Brotas, Itapuã, Cidade Baixa e Cajazeiras. "Não é só pela quantidade de atendimentos, mas também pela qualidade em dar solução aos problemas dos soteropolitanos", afirmou o prefeito.

A Prefeitura-Bairro Cabula vai atender também os bairros de Tancredo Neves, Calabetão, Jardim Santo Inácio, Mata Escura, Sussuarana, Nova Sussuarana, Arraial do Retiro, Arenoso, Novo Horizonte, Centro Administrativo da Bahia (CAB), São Gonçalo, Engomadeira, Resgate, Pernambués, Saramandaia, Doron, Saboeiro e Narandiba.

Serviços

Além dos órgãos municipais e de entidades parceiras como o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), INSS e Junta Militar, o leque de serviços nas Prefeituras-Bairro deverá ser ampliado com a instalação de totens de autoatendimento para recarga do SalvadorCard. Cada unidade atende aproximadamente cinco mil pessoas por semana.

Entre os serviços mais procurados estão os da Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps), referente ao programa Bolsa Família e às vagas de emprego; Secretaria Municipal da Saúde (SMS), para marcação de consultas e Farmácia Popular; e Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), para assuntos de iluminação.

Também é grande a procura pelo guichê da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Defesa Civil (Sindec), em busca de informações sobre os programas Minha Casa, Minha Vida (habitacional) e Casa Legal (regularização fundiária).

Todo o trabalho realizado nas prefeituras-bairro passa por um sistema de registro e acompanhamento das demandas, recebidas pelos funcionários dos próprios órgãos que atendem nos guichês. Essas demandas são encaminhadas aos setores responsáveis para que sejam tomadas as devidas providências.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247