ACM Neto entrega metrô a Wagner em 90 dias

"Essa é a saída para garantir o funcionamento do metrô", disse o prefeito, que também confirmou a transferência da gestão do trem do subúrbio para o governo do estado; ACM afirmou que será incumbência da prefeitura garantir as linhas de ônibus e corredores exclusivos para alimentar o metrô; "A cidade tem que ter sistema integrado e estamos fazendo ajustes"

ACM Neto entrega metrô a Wagner em 90 dias
ACM Neto entrega metrô a Wagner em 90 dias
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247

O prefeito ACM Neto (DEM) confirmou nesta quarta-feira (9) em entrevista ao programa Balanço Geral, da Record Bahia, que vai passar para o Estado a gestão da chamada Linha 1 do metrô de Salvador e dos trens do subúrbio. "Essa é a saída para garantir o funcionamento do metrô".

O sistema de transporte sobre trilhos é construído há 13 anos e ainda não tem data específica para entrar em operação, apesar de os primeiros seis dos 12 quilômetros já estarem prontos para transportar passageiros. Falta apenas quem dê subsídio ao custo das passagens.

ACM Neto criticou a administração de João Henrique (PP), que não buscou entendimento com o governador Jaques Wagner (PT) para solucionar o problema da mobilidade.

O democrata disse também que será incumbência da prefeitura garantir as linhas de ônibus e corredores exclusivos para alimentar o metrô. "A cidade tem que ter sistema integrado e estamos fazendo ajustes. Em 90 dias os termos (com o governo do estado) devem estar assinados".

Ideia é integrar a Linha 1, que quando estiver funcionando irá da Estação da Lapa a de Pirajá (percurso de 12 quilômetros), ao metrô da Paralela, anunciado pelo governo do estado para ligar Salvador a Lauro de Freitas ao longo da Avenida Paralela.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email