‘ACM Neto só gosta de obra Sonrisal’, diz vereador

Alunos da Escola Municipal Eduardo Campos, no bairro de Águas Claras, em Salvador, estão sem aula desde ontem (18), após o forro do teto de algumas instalações da unidade desabar; para o líder da oposição na Câmara Municipal, José Trindade (PSL), o desabamento só reafirma o descaso da prefeitura de Salvador com a educação municipal. "Primeiro são os alunos que ficam sem merenda, depois pais que reclamam que há quase três anos os filhos não recebem fardamento, agora essa obra Sonrisal do prefeito que basta cair uma chuva que desmancha tudo", lista o vereador

José Trindade
José Trindade (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Alunos da Escola Municipal Eduardo Campos, no bairro de Águas Claras, em Salvador, estão sem aula desde a terça-feira (18), após o forro do teto de algumas instalações da unidade desabar. Foram atingidas duas salas de aula e o refeitório da escola, além da sala dos professores.

Para o líder da oposição na Câmara Municipal, José Trindade (PSL), o desabamento só reafirma o descaso da prefeitura de Salvador com a educação municipal. "Primeiro são os alunos que ficam sem merenda, depois pais que reclamam que há quase três anos os filhos não recebem fardamento, agora essa obra Sonrisal do prefeito que basta cair uma chuva que desmancha tudo", lista o vereador.

A escola, inaugurada em março de 2015, fazia parte da programação de festejos do aniversário dos 466 anos de Salvador. Na época, a prefeitura anunciou que em uma semana mais de 200 ações entre inaugurações, assinaturas de ordem de serviço, entrega de obras e atrações multiculturais integrariam a celebração. O investimento foi de R$ 1 bilhão.

"Neto já é conhecido por suas obras eleitoreiras, o prefeito só gosta de obra Sonrisal, é o pão e circo de sempre, coloca um número alto de obras para chamar atenção, entrega tudo pela metade, coloca uma banda para tocar no Farol da Barra e diz que está melhorando a cidade. É uma irresponsabilidade inaugurar uma escola e deixar que na primeira chuva o teto caia. Imagine se tivesse sido no horário que as crianças estivessem estudando?", indaga Trindade.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247