ACM pede a Meirelles e Geddel liberação de R$ 800 milhões em empréstimos

O prefeito de Salvador, ACM Neto, se reuniu nesta terça-feira com os ministros interinos da Fazenda, Henrique Meirelles; e da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima; para negociar o aval de uma operação de crédito de dois financiamentos: um de R$ 408 milhões com a Caixa, para construção do BRT, e outro de US$ 105 milhões, no âmbito do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo; a prioridade, segundo ele, é conseguir aval pelo menos para a construção do BRT

O prefeito de Salvador, ACM Neto, se reuniu nesta terça-feira com os ministros interinos da Fazenda, Henrique Meirelles; e da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima; para negociar o aval de uma operação de crédito de dois financiamentos: um de R$ 408 milhões com a Caixa, para construção do BRT, e outro de US$ 105 milhões, no âmbito do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo; a prioridade, segundo ele, é conseguir aval pelo menos para a construção do BRT
O prefeito de Salvador, ACM Neto, se reuniu nesta terça-feira com os ministros interinos da Fazenda, Henrique Meirelles; e da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima; para negociar o aval de uma operação de crédito de dois financiamentos: um de R$ 408 milhões com a Caixa, para construção do BRT, e outro de US$ 105 milhões, no âmbito do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo; a prioridade, segundo ele, é conseguir aval pelo menos para a construção do BRT (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - O prefeito ACM Neto (DEM) se reuniu nesta terça-feira (19) com os ministros interinos da Fazenda, Henrique Meirelles; e da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima; para negociar o aval de uma operação de crédito.

O democrata solicita liberação de dois financiamentos: um de R$ 408 milhões com a Caixa, para a construção do BRT, e outro de US$ 105 milhões, no âmbito do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur).

ACM Neto disse que as negociações já estão avançadas, e que dependem apenas de algumas questões com o Tesouro Nacional. A prioridade, segundo ele, é conseguir o aval pelo menos para a construção do BRT. O governo tem até 31 de agosto para iniciar as obras, uma vez que, depois disso, fica impedido por conta do processo eleitoral de outubro.

"A gente já vem tratando com o ministério há algum tempo, e o objetivo agora é tentar agilizar especialmente porque existe uma data limite de 31 de agosto", diz o prefeito de Salvador.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247