Adir Gentil: ‘lógico que Kátia é uma senadora que temos que nos aproximar’

 Ao comentar a aproximação do prefeito com a senadora Kátia Abreu, expulsa do PMDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Adir Gentil, disse que a parlamentar "tem sempre se colocado à disposição de Palmas, o que justifica ter uma aproximação com quem quer cooperar com a gestão"; sobre o rompimento do prefeito Carlos Amastha com o senador Ataídes Oliveira, após seis prefeitos do PSB deixarem a sigla e se filiarem ao PSDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Gentil, afirmou que um "dos compromissos mais importantes da trajetória do prefeito Amastha é romper com as velhas práticas políticas, e cooptar aliados do prefeito configura uma velha prática política, não é uma prática normal, nem moderna, nem mesmo avançada"

 Ao comentar a aproximação do prefeito com a senadora Kátia Abreu, expulsa do PMDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Adir Gentil, disse que a parlamentar "tem sempre se colocado à disposição de Palmas, o que justifica ter uma aproximação com quem quer cooperar com a gestão"; sobre o rompimento do prefeito Carlos Amastha com o senador Ataídes Oliveira, após seis prefeitos do PSB deixarem a sigla e se filiarem ao PSDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Gentil, afirmou que um "dos compromissos mais importantes da trajetória do prefeito Amastha é romper com as velhas práticas políticas, e cooptar aliados do prefeito configura uma velha prática política, não é uma prática normal, nem moderna, nem mesmo avançada"
 Ao comentar a aproximação do prefeito com a senadora Kátia Abreu, expulsa do PMDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Adir Gentil, disse que a parlamentar "tem sempre se colocado à disposição de Palmas, o que justifica ter uma aproximação com quem quer cooperar com a gestão"; sobre o rompimento do prefeito Carlos Amastha com o senador Ataídes Oliveira, após seis prefeitos do PSB deixarem a sigla e se filiarem ao PSDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Gentil, afirmou que um "dos compromissos mais importantes da trajetória do prefeito Amastha é romper com as velhas práticas políticas, e cooptar aliados do prefeito configura uma velha prática política, não é uma prática normal, nem moderna, nem mesmo avançada" (Foto: Leonardo Lucena)

Tocantins 247- Ao comentar a aproximação do prefeito com a senadora Kátia Abreu, expulsa do PMDB, o subprefeito da região Sul de Palmas, Adir Gentil, disse que a parlamentar "tem sempre se colocado à disposição de Palmas, o que justifica ter uma aproximação com quem quer cooperar com a gestão".

"Nós sempre tivemos dentro do nosso eixo do partido uma proximidade. Em outra ocasião não conseguimos nos compor para uma eleição, mas agora estamos conversando de novo porque é uma senadora que em todas as suas falas, em todos os momentos que conversamos, ela tem se colocado a disposição da cidade de Palmas. Então, é Se tivéssemos um deputado federal que tivesse a mesma boa vontade, estaríamos próximos também", acrescentou. A entrevista foi concedida ao T1 Notícias.

Sobre o rompimento do prefeito Carlos Amastha com o senador Ataídes Oliveira, após seis prefeitos do PSB deixarem a sigla e se filiarem ao PSDB,  disse que um "dos compromissos mais importantes da trajetória do prefeito Amastha é romper com as velhas práticas políticas, e cooptar aliados do prefeito configura uma velha prática política, não é uma prática normal, nem moderna, nem mesmo avançada".

"Então, é lógico que neste momento rompemos, mas, politicamente o PSDB é muito maior que as pessoas que transitam nele. Mais à frente poderemos estar juntos de novo porque a eleição vai ter um componente nacional e estadual, e temos a vice-prefeita (Cintia Ribeiro) que é do PSDB, que nós respeitamos e que ela também não concorda com esse tipo de prática. Vamos manter o excelente relacionamento que nós temos com ela, tanto pela importância do bem da cidade quanto pela convivência harmônica que temos com ela", afirmou. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247