Adolescente é agredido na cabeça após defender o PT

Jovem recebeu socos na cabeça, tapas e chutes de manifestantes que protestavam contra o governo na Avenida Paulista; policiais tiveram que usar gás de pimenta e bombas de efeito moral para dispersar a multidão; o adolescente foi atacado depois de ter gritado palavras a favor do PT; ele disse não ser filiado ao partido, mas afirmou que se posicionava contra o golpe e tinha o direito de se manifestar também

Jovem recebeu socos na cabeça, tapas e chutes de manifestantes que protestavam contra o governo na Avenida Paulista; policiais tiveram que usar gás de pimenta e bombas de efeito moral para dispersar a multidão; o adolescente foi atacado depois de ter gritado palavras a favor do PT; ele disse não ser filiado ao partido, mas afirmou que se posicionava contra o golpe e tinha o direito de se manifestar também
Jovem recebeu socos na cabeça, tapas e chutes de manifestantes que protestavam contra o governo na Avenida Paulista; policiais tiveram que usar gás de pimenta e bombas de efeito moral para dispersar a multidão; o adolescente foi atacado depois de ter gritado palavras a favor do PT; ele disse não ser filiado ao partido, mas afirmou que se posicionava contra o golpe e tinha o direito de se manifestar também (Foto: Aline Lima)

SP 247 – Um adolescente foi agredido com socos na cabeça, tapas e chutes por manifestantes que protestavam contra o governo da presidente Dilma Rousseff na Avenida Paulista nesta quinta-feira 17. A agressão começou depois que o jovem gritou palavras em defesa do Partido dos Trabalhadores.

A Polícia Militar precisou usar gás de pimenta e bombas de efeito moral para dispersar a multidão e proteger o rapaz, que passou a ser perseguido. Ele foi seguido por duas ruas e levado pelos policiais até a garagem de um banco, segundo informações do portal G1. Mas os agressores ainda tentaram invadir o banco.

Um grupo chegou a subir nas muretas que cercam a entrada do prédio do banco. O adolescente disse não ser filiado ao PT, mas declarou que era contra o golpe e que também tinha o direito de se manifestar. A Paulista foi palco de manifestações ao longo de todo o dia nesta quinta, quando o ex-presidente Lula tomou posse como ministro da Casa Civil.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247