Aécio culpa governo por 'tragédia nacional' na segurança

Senador mineiro e presidenciável tucano, Aécio Neves diz que recorde histórico dos homicídios, revelado pelo último Mapa da Violência, mostra a omissão e o descompromisso do atual governo com esta tragédia: “o Brasil não possui uma política nacional de segurança pública”

Senador mineiro e presidenciável tucano, Aécio Neves diz que recorde histórico dos homicídios, revelado pelo último Mapa da Violência, mostra a omissão e o descompromisso do atual governo com esta tragédia: “o Brasil não possui uma política nacional de segurança pública”
Senador mineiro e presidenciável tucano, Aécio Neves diz que recorde histórico dos homicídios, revelado pelo último Mapa da Violência, mostra a omissão e o descompromisso do atual governo com esta tragédia: “o Brasil não possui uma política nacional de segurança pública” (Foto: Roberta Namour)

247 – O senador mineiro e presidenciável tucano, Aécio Neves, culpou a omissão do governo pela crise da segurança no País: “O recorde histórico dos homicídios, revelado pelo último Mapa da Violência, mostra com toda a crueza a omissão e o descompromisso do atual governo com esta tragédia”.

Segundo ele, o Brasil não possui uma política nacional de segurança pública. “No plano das atribuições federais, as fronteiras permanecem abertas ao tráfico. O problema das drogas segue em ritmo ascendente, sem falar do sucateamento da Polícia Federal, envolvida em uma crise sem precedentes”, acrescenta.

Aécio sugere que a União tem que assumir o papel coordenador de uma política de Estado nesta área, com o fim do contingenciamento dos recursos públicos e liderança para fazer as reformas necessárias (leia mais).

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247