Aécio: "Dilma é mulher de bem, mas despreparada"

Presidenciável do PSDB, o senador Aécio Neves disse nesta sexta-feira (4) que, embora a presidente Dilma Rousseff seja "uma mulher proba, sem qualquer dúvida em relação ao seu caráter, "ela não ela não estava preparada para administrar o país"; "O que há é um enorme questionamento pelos indicadores da economia, pelos atrasos da infraestrutura, pela projeção extremamente preocupante dos indicadores sociais", disse; tucano afirmou estar "cada vez mais convencido" de que tem avançado e que irá vencer as eleições

www.brasil247.com - Presidenciável do PSDB, o senador Aécio Neves disse nesta sexta-feira (4) que, embora a presidente Dilma Rousseff seja "uma mulher proba, sem qualquer dúvida em relação ao seu caráter, "ela não ela não estava preparada para administrar o país"; "O que há é um enorme questionamento pelos indicadores da economia, pelos atrasos da infraestrutura, pela projeção extremamente preocupante dos indicadores sociais", disse; tucano afirmou estar "cada vez mais convencido" de que tem avançado e que irá vencer as eleições
Presidenciável do PSDB, o senador Aécio Neves disse nesta sexta-feira (4) que, embora a presidente Dilma Rousseff seja "uma mulher proba, sem qualquer dúvida em relação ao seu caráter, "ela não ela não estava preparada para administrar o país"; "O que há é um enorme questionamento pelos indicadores da economia, pelos atrasos da infraestrutura, pela projeção extremamente preocupante dos indicadores sociais", disse; tucano afirmou estar "cada vez mais convencido" de que tem avançado e que irá vencer as eleições (Foto: Valter Lima)


247 - Presidenciável do PSDB, o senador Aécio Neves, afirmou, nesta sexta-feira (4) que a presidente Dilma Rousseff é "uma mulher de bem, proba e não há qualquer dúvida em relação ao seu caráter", mas ressaltou que "ela não estava preparada" para administrar o país.

"A presidente da República é uma mulher de bem, é proba, não há qualquer dúvida em relação ao seu caráter, não há nenhum questionamento em relação à sua correção pessoal. O que há é um enorme questionamento pelos indicadores da economia, pelos atrasos da infraestrutura, pela projeção extremamente preocupante dos indicadores sociais e que ela não estava preparada para assumir a responsabilidade de administrar um país da complexidade do Brasil", disse.

Segundo Aécio, Dilma foi eleita "suportada em dois pilares". "Primeiro da economia, para fazer o Brasil crescer. O nosso resultado é pífio. A nossa equação é mais perversa de todas, inflação alta com crescimento baixo. E o segundo pilar da grande gestora: nós estamos vendo aí que a grande gestora não nos visitou ao longo dos quatro anos de governo", criticou.

O senador disse estar "cada vez mais convencido" de que tem avançado e que irá vencer as eleições. "Talvez eu não tenha dito com essa clareza. Cada vez eu me convenço mais de que há um cansaço de um governo que perdeu a capacidade de transformar, de ousar, um governo que está na defensiva o tempo inteiro", afirmou. "O governo está vivendo os seus últimos suspiros", completou.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247