Aécio isola Serra e vai presidir o PSDB

Numa articulação comandada pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, senador mineiro deverá tomar por completo o poder na sigla; à ala serrista restará, no máximo, uma vice-presidência; tudo para evitar sabotagens daqui até 2014; José Serra tentará ainda ter seu nome incluído na próxima pesquisa Datafolha sobre sucessão presidencial

Aécio isola Serra e vai presidir o PSDB
Aécio isola Serra e vai presidir o PSDB
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Todo o poder a Aécio. Esse é o mantra no PSDB, especialmente agora que José Serra ameaçou pedir prévias para tentar, mais uma vez, disputar a presidência da República.

A consolidação do poder aecista virá em maio, quando os tucanos deverão eleger a nova executiva nacional do partido. Na articulação comandada pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e pelo atual comandante da sigla, Sérgio Guerra, Aécio será eleito presidente do PSDB.

A vice-presidência, que hoje está com o deputado Rodrigo de Castro (PSDB-MG), também aliado de Aécio, será entregue a um nome indicado pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Ou seja: a aliança dos mineiros com São Paulo passa por Alckmin – e não por Serra. Aécio fará de tudo para evitar que um serrista, como o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) ou o ex-governador Alberto Goldman, ocupe o posto. E defende abertamente que Aloysio seja líder no Senado, fora da máquina do partido, no lugar do senador Álvaro Dias (PSDB-PR).

O terceiro posto mais importante na hierarquia tucana, que é a presidência do Instituto Teotônio Vilela, encarregado de formular programas e propostas do partido, será entregue a outro aliado de Aécio, o ex-senador Tasso Jereissati.

Nesse xadrez, Serra ficará totalmente isolado e tentado a buscar abrigo em outra sigla, como o PPS, de Roberto Freire. Magoado, ele tentará ter seu nome incluído na próxima pesquisa Datafolha sobre sucessão presidencial, apostando que ainda aparecerá à frente de Aécio. Mas seu tempo no PSDB parece ter chegado ao fim.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email