Aécio mandou engavetar manifesto do PSDB contra a corrupção

O PSDB pretendia lançar, em abril deste ano, um duro manifesto contra a corrupção, mas o documento foi engavetado pelo senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG), que terá seu pedido de prisão avaliado pelo Supremo Tribunal Federal na próxima terça-feira

Aécio
Aécio (Foto: Leonardo Attuch)

247 – O PSDB pretendia lançar, em abril deste ano, um duro manifesto contra a corrupção, mas o documento foi engavetado pelo senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG), que terá seu pedido de prisão avaliado pelo Supremo Tribunal Federal na próxima terça-feira.

A informação é da jornalista Daniela Lima, na coluna Painel:

Esqueça o que escrevi No fim de abril, o PSDB paulista elaborou um manifesto que seria enviado a todos os filiados à sigla no país. Ele foi entregue ao então presidente da legenda, Aécio Neves (MG). A crise política, claro, engoliu a iniciativa e fez do material, até agora inédito, peça de ficção. “Fazer a boa política é sentir e repercutir a indignação da sociedade diante da trama que uniu empresários inescrupulosos e políticos corruptos”, diz. “São práticas (…) com as quais o PSDB jamais compactuou.”

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247