Aécio será estrela de ato da Força Sindical

Presidenciável tucano vai discursar para plateia de ao menos 2 milhões de pessoas na festa anual pelo 1º de Maio, Dia do Trabalhador, na Praça Campo de Bagattele, na zona norte de São Paulo; segundo o presidente do Solidariedade, Paulo Pereira, líder da Força, “outras centrais” foram excluídas “para evitar gente puxando saco do governo”

Presidenciável tucano vai discursar para plateia de ao menos 2 milhões de pessoas na festa anual pelo 1º de Maio, Dia do Trabalhador, na Praça Campo de Bagattele, na zona norte de São Paulo; segundo o presidente do Solidariedade, Paulo Pereira, líder da Força, “outras centrais” foram excluídas “para evitar gente puxando saco do governo”
Presidenciável tucano vai discursar para plateia de ao menos 2 milhões de pessoas na festa anual pelo 1º de Maio, Dia do Trabalhador, na Praça Campo de Bagattele, na zona norte de São Paulo; segundo o presidente do Solidariedade, Paulo Pereira, líder da Força, “outras centrais” foram excluídas “para evitar gente puxando saco do governo” (Foto: Roberta Namour)

247 – O presidenciável tucano, Aécio Neves, confirmou presença em ato da Força Sindical para o 1° de maio. Segundo o presidente do Solidariedade, Paulo Pereira, líder da Força, “outras centrais” foram excluídas “para evitar gente puxando saco do governo”.

Leia mais na nota de Claudio Humberto, do Diário do Poder:

AÉCIO VAI FALAR A 2 MILHÕES NA FESTA DE 1O DE MAIO
Aspirante ao Palácio do Planalto, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) já confirmou presença na festa anual da Força Sindical pelo 1º de Maio, Dia do Trabalhador, que espera reunir este ano 2 milhões de pessoas na Praça Campo de Bagattele, na zona norte de São Paulo. Segundo o presidente do Solidariedade, Paulo Pereira, líder da Força, “outras centrais” foram excluídas “para evitar gente puxando saco do governo”.

#VEMPRARUA
A Força Sindical espera mobilizar dez milhões de pessoas em atos por todo o País, no 1º de Maio, para falar mal do governo Dilma.

ESTRANHO NO NINHO
O ex-governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB-PE) também foi convidado para o ato em São Paulo, mas ainda não informou se vai.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247