Aécio vê aparelhamento em instituições de pesquisa

Senador mineiro e presidenciável pelo PSDB diz que Brasil pode perder credibilidade se PT continuar a influenciar institutos como o IBGE: “Era o que faltava: o partido querer atribuir à sua base aliada a tarefa de avaliar metodologia de pesquisa”

Em aparte, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) diz esperar que o pedido de criação da CPI da Petrobras seja lido pela Mesa do Senado na sessão deliberativa de terça-feira (1º)
Em aparte, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) diz esperar que o pedido de criação da CPI da Petrobras seja lido pela Mesa do Senado na sessão deliberativa de terça-feira (1º) (Foto: Roberta Namour)

247 – O senador mineiro Aécio Neves, presidenciável pelo PSDB, vê risco de o Brasil perde credibilidade após “o intolerável grau de aparelhamento do Estado brasileiro pelo PT chegar às instituições de pesquisa”.

Ele diz que o IBGE entrou em convulsão depois que o PT colocou em dúvida a nova metodologia usada pelo órgão, que, ao ampliar a base de pesquisa, traz novos dados, por exemplo, sobre o desemprego no país. “Era o que faltava: o partido querer atribuir à sua base aliada a tarefa de avaliar metodologia de pesquisa”.

O tucano alerta que, depois do Ipea, do IBGE e da Embrapa, alguém pode ter a ideia de interferir no Inep para controlar os dados de educação e no CNPq para patrulhar as pesquisas (leia mais).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247