Alagoas começa a vacinar contra a Influenza

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) dá início, nesta segunda-feira (17), à campanha de vacinação contra a Influenza; Alagoas recebeu 735.987 doses e devem ser vacinadas 662.388 pessoas, o que equivale a 90% do público-alvo; Programa Nacional de Imunização (PNI) prevê vacinar profissionais da área de saúde, crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto)

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) dá início, nesta segunda-feira (17), à campanha de vacinação contra a Influenza; Alagoas recebeu 735.987 doses e devem ser vacinadas 662.388 pessoas, o que equivale a 90% do público-alvo; Programa Nacional de Imunização (PNI) prevê vacinar profissionais da área de saúde, crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto)
A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) dá início, nesta segunda-feira (17), à campanha de vacinação contra a Influenza; Alagoas recebeu 735.987 doses e devem ser vacinadas 662.388 pessoas, o que equivale a 90% do público-alvo; Programa Nacional de Imunização (PNI) prevê vacinar profissionais da área de saúde, crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto) (Foto: Voney Malta)

Por Fabiano Di Pace/Agência Alagoas - A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) dá início, nesta segunda-feira (17), à campanha de vacinação contra a Influenza. Para esta edição, Alagoas recebeu 735.987 doses e devem ser vacinadas 662.388 pessoas, o que equivale a 90% do público-alvo. A vacinação prossegue até o dia 23 de maio.

Segundo o Programa Nacional de Imunização (PNI), deverão ser vacinados os profissionais da área de saúde, crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto).

Também devem ser vacinados os idosos com 60 anos ou mais, pessoas com comorbidades (doenças crônicas respiratórias, do coração, com baixa imunidade, entre outras), trabalhadores da saúde, indígenas aldeados e o público penitenciário.

De acordo com técnica do Programa Nacional de Imunização (PNI) em Alagoas, Arlete Farias, outra categoria que foi incluída no esforço de vacinação neste ano foi a dos professores. "Serão imunizados os professores das redes pública e privada, dos níveis fundamental, médio e superior", reforçou.

Arlete Farias salientou que os municípios ficarão responsáveis pela aplicação das vacinas. "Cada município irá desenvolver a sua estratégia para vacinação do público-alvo", explicou a técnica.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247